Euro City Race

EuroCityRace

Paris City Race 2017

1

Realizou-se no passado domingo dia 07 de Maio o Paris City Race, primeira etapa do City Race Euro Tour 2017.

Se no sábado tivemos um terreno de parque quase plano e com varias passagens superiores e inferiores, no domingo tivemos um mapa de cidade, com desnível e muito perigoso devido a chuva que caiu durante toda a minha prova, para provar que estava perigoso tenho a queda de costas mesmo antes de chegar ao 1º ponto de controlo, ainda por cima por causa de um ponto que não era meu.

Na geral correu bem, consegui correr todo tempo, excepto nas escadas a subir. Erros apenas um e grande, falhei a rua do 9º ponto de controlo e dei a volta ao quarteirão e perdi cerca de 30 segundos. Em termos de opções, não sei se fiz bem ou mal, pelos parciais que estive a comparar não há grandes diferença de tempos.

No final fiz o melhor tempo com 51,28 minutos e deixei o 2º classificado a 1,39 minutos.

De realçar pela positiva a vitoria de Tomas Lima do COC em Homens Sub 16, o 2º lugar Beatriz Castilho do .COM em Damas Sub 16 e também o 2º lugar Helena Lima do COC em Jun Fem. Também o percurso de sábado esteve muito bom tecnicamente. O pintar de cor diferente as zonas de mais tráfego humano também foi uma mais valia na prova de domingo.

De realçar pela negativa a falta de uma recordação do evento para os atletas que subiram ao pódio. Peitorais para que, temos de poupar papel. A falta de divulgação aqui em Portugal já é normal, é a fartura de Vitórias de atletas Portugueses em provas no estrangeiro.

O facto das arenas serem longe da zona de competição não contribuiu para a divulgação da modalidade, no domingo no City Race a zona de chegada estava completamente esquecida e escondida, temos em Portugal treinos com melhor aspecto.

Link de resultados AQUI

Mapa VET 1 parte 1 DOMA

Mapa VET 1 parte 2 DOMA

EuroCityRace

Paris – Parc de la Villette 2017 – Video da Prova VET1

0

Aqui podem ver o video da prova realizada no sábado dia 06 de Maio no Parc de la Villete.

EuroCityRace

Parc de La Villette (Paris)

0

Realizou-se no fim de semana de 06 e 07 de Maio o Paris City Race, primeira etapa do circuito Euro City Race.

Na tarde de sábado fomos até ao Parc de la Villette, um parque muito bom para fazer orientação devido a quantidade de pormenor existente. A organização para ajudar os menos experiente colocou uns traços magenta nos locais com passagens inferiores e superiores, se para uns foi ajuda, na minha opinião pessoal acho que complicou.

Como o objectivo da minha participação neste evento era a prova de domingo, a prova a contar para o circuito Euro City Race, decidi participar em ritmo de treino, embora eu saiba que depois de pegar no mapa é impossível controlar a velocidade de corrida, e foi mesmo isso que aconteceu…

Com a chuva que caiu o terreno tornou-se muito perigoso por isso todas as cautelas eram poucas.

Comecei mal a prova (demorei para perceber a cartografia do terreno), sendo que o meu maior erro foi logo no 2º ponto de controlo, não quis consultar a sinalética e acabei por não ter a noção da colocação exacta da baliza, sendo que da quantidade de torres existentes no parque, a única que estava cartografada de maneira diferente é a torre onde se encontrava este ponto de controlo.

Dai para a frente consultei sempre sinalética e só acabei por voltar a cometer um erro já no ponto 11º, sabia que o ponto não estava na passagem superior, mas como na sinalética dizia escada em cima, pensei que talvez a escada terminasse na passagem superior, puro engano, o ponto de controlo estava mesmo no nivel inferior e ainda por cima demorei algum tempo a perceber como chegar lá.

No final e ainda com algumas hesitações acabei por vencer este Circuito C (VET1 e H20) por apenas 1 segundo, fiz 28,20 minutos e 5460 metros dos 3700 metros que tinha o percurso.

Mapa com o circuito C (VET1 e H20) Trak DOMA



Joaquim Sousa – Curriculum

0
Curriculum Vitae

JOAQUIM GONÇALVES SOUSA, solteiro, portador do Cartão de Cidadão nº. 10418631, valido até 26/07/2022, residente na Rua de Penelas Nº 54, freguesia de Galegos (Santa Maria), 4750-470 Barcelos.

 

Habilitações Literárias

12.º Ano de Escolaridade.  


Data de Nascimento

26 de Agosto de 1970.

                               

E-Mail: jqsousa@gmail.com    <!–[if !vml]–><!–[endif]–> 

                                    

Militar incorporado em 05 de Agosto de 1991, tendo passado à situação de disponibilidade em 03 de Abril de 2000.

-                     Frequentou e concluiu com Aproveitamento, o 94º. Curso de “Comandos”, em 1991;

-                     Frequentou e concluiu com Aproveitamento, o 176º. Curso de “Pára-Quedista Militar”, em 1993;

-                     “Brevet” de Pára-Quedismo alemão em 1994;

-                     “Brevet” de Pára-Quedismo belga (saltos em balão) em 1995.

Profissionalmente;

Empregado têxtil de 1987 a 1991

Militar no Exercito de 1991 a 1999.

Trabalhou na FPO em 2000 (Programa ocupacional)

Trabalhou na InCreate (apoio a telecomunicações) de 2000 a 2013

Trabalhou na Wondercom de Julho de 2013 a Junho de 2015

Actualmente sem emprego

                                          

Inscrito na Federação Portuguesa de Orientação desde 09 de Novembro de 1994, como atleta federado, com a Licença nº. 1281, tendo representado os seguintes Clubes:

-                     A “Associação de Comandos”, nas épocas 92/93, 93/94, 94/95, 95/96 e 96/97;

-                     O “Lusitano Ginásio Clube” (Évora), nas épocas 97/98, 98/99, 99/00 e 00/01;

-                     A Associação dos Deficientes das Forças Armadas, na época 01/02;

-                     O Clube de Orientação do Centro”, nas épocas 02/03, 03/04, 04/05, 05/06, 06/07, 07/08, 08/09, 09/10, 2011, 2012, 2013, 2014, 2015, 2016, 2017, 2018,

Em termos de Orientação, possui também a seguinte formação (cursos frequentados e concluídos com Aproveitamento):

-         “Curso de Treinadores de Orientação – Nível I”, realizado nos períodos de 20 a 23 de Novembro de 1998 e 11 a 13 de     Dezembro de 1998;

-         “Curso de Cartografia – Nível II ”, realizado nos períodos de 29 de Maio a 16 de Junho de 2000;

-         “Curso de Cartografia – Nível III ”, realizado nos períodos de 18 e 19 de Março de 2017 e 08 e 09 de Abril de 2017.

-         “Curso de traçador de percursos”, realizado no período de 07 e 08 de Setembro de 2002;

-         “Curso de Juiz Controlador – Nível Nacional”, realizado no período de 21 e 22 de Setembro de 2002

 

Inscrito na Federação Portuguesa de Atletismo de 1999 a 2002, sendo atleta do Clube Operário Desportivo (Açores).

Inscrito no INATEL de 2002 a 2006, sendo atleta do União Recreativa e Cultural Avelãs de Cima (Anadia).

Representou a equipa de Trail, Team Inov8-Portugal de 2013 a 2015.

Actualmente corre os Trails pela Trail Me (Galegos Santa Maria) Serfisio Barcelos e Saca Trilhos (Anadia)

                              

Destacam-se, pela sua relevância, os seguintes resultados desportivos alcançados:

ORIENTAÇÃO

Individual

-        Medalha de Prata em Sprint em M40 no WMOC 2011 em Pécs Hungria

-        Medalha de Prata em Sprint em M40 no WMOC 2013 em Sestriere Itália

-        Medalha de Bronze na Distancia Longa em M40 no WMOC 2011 em Pécs Hungria

-        4º Classificado no Sprint em M40 no WMOC 2012 em Bad Harzburg Alemanha

-        5º. Classificado no Sprint em M35 no WMOC 2009 em Sidney Australia

-        5º Classificado no Sprint em M40 no WMOC 2010 em Neuchatel Suiça

-        5º Classificado na Distancia Longa em M40 no WMOC 2012 em Bad Harzburg Alemanha

-        6º Classificado na Distancia Longa em M35 no WMOC 2009 em Sidney Australia

-         Campeão, em seniores masculinos, na Taça dos Países Latinos, em 1999;

-         Campeão, em seniores masculinos, no Campeonato Ibérico, em 2000;

-         Campeão, em H 40, no Campeonato Ibérico, em 2011, 2012,

-         Campeão, em H 45, no Campeonato Ibérico, em 2017, 2018,

-         Campeão, em seniores masculinos, de Distância Média no Campeonato Ibérico, em 2000;

-         Campeão, em veterano masculinos I, de Sprint no Campeonato Ibérico, em 2008, 2009, 2010

-         Campeão, em veterano masculinos I, de Distância Média no Campeonato Ibérico, em 2008, 2010 e 2016

-         Campeão, em veterano masculinos I, de Distância Longa no Campeonato Ibérico, em 2008, 2010

-         Vencedor da Taça de Portugal, no escalão H21E, nas épocas 98/99, 99/00, 00/01;  

-         Campeão Nacional de Sprint, em seniores masculinos, na época 04/05;  

-         Campeão Nacional de Distância Média, em seniores masculinos, nas épocas 96/97, 97/98, 98/99, 99/00, 00/01, 01/02;

-         Campeão Nacional de Distância Longa, em seniores masculinos, nas épocas 97/98, 98/99, 99/00, 00/01, 02/03;  

-         Campeão Nacional de Distância Ultra-Longa, em seniores masculinos, nas épocas 03/04 e 04/05;

-         Campeão Nacional de Estafetas, em seniores masculinos, nas épocas 93/94, 96/97, 97/98, 98/99, 99/00, 00/01, 01/02, 03/04, 08/09, 2011,

-        Campeão Nacional de Distância Longa, em H40, na época 2013

-        Campeão Nacional de Sprint, em H40, na época 2013

-        Campeão Nacional de Estafetas, em VET1 na época 2012

-        Campeão, Nacional Distancia Media, em H 45, nas épocas 2017, 2018,

-        Vencedor, em VET I do Circuito “City Race EuroTour”, na época 2017,

-        Vencedor, em VET 1 do Circuito “Portugal City Race” nas épocas 2017, 2018.

-        seniores masculinos, do Troféu Regularidade, na época 02/03;

-         Vencedor, em veteranos masculinos, do Troféu Regularidade, na época 04/05 e 05/06;  

-         Campeão, em seniores masculinos, do Ranking Regional Norte, nas épocas 00/01, 01/02, 02/03, 03/04, 04/05, 05/06, 06/07, 07/08, 08/09,

-         Campeão, em seniores masculinos, do Ranking Regional Sul, na época 00/01;

-         Campeão Regional Norte de Estafetas, em seniores masculinos, na época 03/04;

-         Vencedor do Troféu do COC “Atleta do Ano”, na época 02/03; 

-        Campeão da  6 relay em 2009

-         2º. Classificado da Taça de Portugal, no escalão H21E, nas épocas 97/98, 01/02, 02/03, 03/04, 04/05;  

-         Vice-Campeão Ibérico, em seniores masculinos, nas épocas 02/03, e 03/04;  

-         Vice-Campeão Ibérico, na Distancia Media em veteranos masculinos, na época 09/10

-         Vice-Campeão Ibérico, na Distancia Longa em veteranos masculinos, na época 09/10

-         Vice-Campeão Nacional de Sprint, em seniores masculinos, nas épocas 98/99, 01/02, 02/03, 03/04, 06/07,

-         Vice-Campeão Nacional de Distância Média, em seniores masculinos, nas épocas 02/03, 04/05;  

-         Vice-Campeão Nacional de Distância Longa, em seniores masculinos, nas épocas 01/02, 03/04, 04/05, 2011,

-         Vice-Campeão Nacional de Distância Ultra-Longa, em seniores masculinos, na época 05/06

-         Vice-Campeão Nacional de Estafetas, em seniores masculinos, na época 02/03;

-        Vice-Campeão Nacional de Estafetas, em VET II na época 2018.

-         2º. Classificado no World Ranking Event Coupe des Pays Latins – Latinum Certamen

-         2º. Classificado no Portugal “O” Meeting, no escalão H21E em 1998, 2001, 2004;  

-         2º. Classificado do Troféu do COC “Atleta do Ano”, na época 03/04;  

-         3º. Classificado da Taça de Portugal, no escalão H21E, nas épocas 05/06, 06/07, 2011, 2012,

-         3º. Classificado na Taça dos Países Latinos, em seniores masculinos, em 2003;  

-         3º. Classificado no Campeonato Nacional Absoluto, em masculinos, nas épocas 03/04, 04/05, 06/07;

-         3º. Classificado no Campeonato Nacional de Distância Ultra-Longa, em seniores masculinos, na época 02/03;

-         3º. Classificado no World Ranking Event 5 Days on the Beach;  

-         3º. Classificado no Campeonato Nacional de Estafetas, em seniores masculinos, na época 95/96, 06/07.

-         3º. Classificado no Campeonato Nacional de Distancia Longa, em seniores masculinos, na época 06/07, 07/08,

-         3º. Classificado no Campeonato Nacional de Distancia Media, em seniores masculinos, na época 06/07, 07/08,

-         3º. Classificado no Campeonato Nacional de Sprint, em seniores masculinos, na época 07/08,

Circuito City Race EuroTour

-        Vencedor, em VET I no Paris City Race 2017

-        Vencedor, em VET I no Barcelona City Race 2017

-        Vencedor, em VET I no Aveiro City Race 2018

-        2º Classificado em VET I no Porto City Race 2017


Por Clubes

“Lusitano Ginásio Clube”

-         2º. Classificado da Taça de Portugal, no escalão H21E, na época 00/01.

-         3º. Classificado da Taça de Portugal, no escalão H21E, nas épocas 97/98.

-         Campeão Nacional de Distância Longa, em seniores masculinos, nas épocas 97/98, 98/99, 99/00 e 00/01.

-         Campeão Nacional de Distância Média, em seniores masculinos, nas épocas 97/98, 98/99, 99/00 e 00/01.

-         Campeão Nacional de Sprint, em seniores masculinos, nas épocas 98/99 e 00/01.  


Associação dos Deficientes das Forças Armadas

-         2º. Classificado da Taça de Portugal, no escalão H21E, nas épocas 01/02.

-         Campeão Nacional de Distância Longa, em seniores masculinos, na época 01/02.

-         Campeão Nacional de Distância Média, em seniores masculinos, na época 01/02.

-         Campeão Nacional de Sprint, em seniores masculinos, na época 01/02.


Clube de Orientação do Centro

-         Vencedor da Taça de Portugal, nas épocas 02/03, 03/04, 04/05, 07/08, 08/09

-         Campeão Nacional de Distância Ultra-Longa, em seniores masculinos, nas épocas 02/03, 05/06,

-         Campeão Nacional de Distância Média, em seniores masculinos, na época 06/07, 07/08,

-         Campeão Nacional de Sprint, em seniores masculinos, na época 07/08,

-         Campeão Nacional de Estafetas, em seniores masculinos, na época 02/03, 07/08, 2011,

-        Campeão Nacional de Estafetas, em Veteranos masculinos 1, na época, 2012,

-         Campeão Nacional Absoluto, nas épocas 08/09, 09/10,

-         2º. Classificado da Taça de Portugal, na época 05/06,

-         Vice-Campeão Nacional de Distância Ultra-Longa, em seniores masculinos, na época 04/05,

-         Vice-Campeão Nacional de Distância Longa, em seniores masculinos, nas épocas 02/03, 04/05, 2011,

-         Vice-Campeão Nacional de Distância Média, em seniores masculinos, na época 05/06,

-         Vice-Campeão Nacional de Sprint, em seniores masculinos, na época 05/06,

-         3º. Classificado no Campeonato Nacional de Distancia Longa, em seniores masculinos, na época 05/06,

-         3º. Classificado no Campeonato Nacional de Distancia Media, em seniores masculinos, na época 02/03,


International Orienteering Federation (IOF) World Ranking.

Ex IOF World Ranking System Identifier de Joaquim Sousa é POR13.

 

Integrou as Selecções Nacionais de Portugal, nas seguintes competições:                          

-         Campeonato do Mundo: 1999 (Inverness / Escócia), 2003 (Rapperswil/Jona / Suiça), 2004 (Västerås, Sweden, 2006 (Aarhus/Dinamarca), 2007 (Kiev /Ukrania)

-         Campeonato da Europa; 2010 (Primorsko/Bulgaria)

-         Orienteering World Cup: 1998 (Event 5, 20-24 Julho, Gävle / Suécia); e 2005 [1-3 Maio, Surrey Hills / Inglaterra;

-         Campeonato Ibérico: 1993 (Entre-os-Rios), 1995 (Corunha / Espanha), 1998 (Estarreja), 1999 (Granada / Espanha), 2000 (Santo Tirso), 2001 (Valladolid / Espanha), 2002 (Leiria) e 2003 (Las Lagunas – Archidona e Loja / Espanha), 2005 em (Sevilha/Espanha), 2006 em Vila Real (Sabrosa), 2007 em Malaga (Espanha), 2008 em (Idanha a Nova), 2009 (Toledo) Espanha, 2010 (Leiria).

-         Taça dos Países Latinos: 1999 (Santiago de Compostela – Espanha) e 2003 (Caylus – França).

Participou nas seguintes provas internacionais:               

-         “O-Ringen – 5 dias da Suécia”, em 1998 (Gävle);

-         “5 Jours de France”, em 1999 (Bordéus);

-         “Campeonatos Nacionais de Espanha”, em 2000 (Cadiz);

-         “Botas Bysocina Cup”, em 2000 (República Checa);

-         “6 Giorni Italo-Svizzera”, em 2001 (Suíça e Itália);

-         “Jogos de Outono”, em 2002 (Espanha);

-         “Jonathermál Hungária Kupa 2002”,em 2002 (Hungria);

-         “Campeonatos Nacionais de Espanha”, em 2003 (Soria);

-         “5 Jours de France”, em 2003 (Bordéus). 

-         “WMOC” 2006 (Áustria)

-          “OO Cup” em 2007 (Eslovénia)

-          “6 Jours de France”, em 2008

-          “WMOC” 2008 (Portugal)

-          “WMOC” 2009 (Australia)

-          “5 dias do Brasil” em 2010

-          “WMOC” 2010 (Suiça)

-           “WMOC” 2011 (Hungria)

-           “O” Festival 2011 (França)

-           Campeonato Ibérico 2011 – Alicante (Espanha)

-          “WMOC” 2012 (Itália)

                                                                     

TRAIL

-           11º na Ultra Trail Amigos da Montanha em 2010 (1ª participação em Trail)

-           Vencedor do Trail Solidario da Lama (Barcelos em 2017

-           Vencedor em H40 do Cross Laminha (Leiria) 2011, 2013

-           Vencedor do Luso Trail – Assalto ao Bussaco (10 km) 2013

-           Vencedor do Trail Serra da Freita 2013

-           Vencedor por equipas (COC) no Cross Laminha (Leiria) em 2011, 2013.

-           Vencedor por equipas nos Trilhos Loucos da Reixida (Leiria) em 2013,

-           2º veterano no Trail Calca Folhas (Adães – Barcelos) em 2018

-           2º classificado no Christmas Trail (Alvelos – Barcelos) 2017

-           2º classificado no Arca Challenge BTT/Trail em 2017 (com Tiago Gonçalves)

-           2º veterano no Trail Monte do Facho (Roriz – Barcelos) em 2016

-           2º veterano no Grand Facho Trail (Manhente – Barcelos) em 2016

-           2ª equipa no ARCA Challenge BTT/Trail (equipa com Tiago Gonçalves) em 2017

-           2º por Equipas nos Trilhos Paleozóico (Coimbra) 2013

-           2º na Geral no Trail dos Abutres 2012

-           2º em H40 no Trail Amigos da Montanha 2012

-           2º em H40 nos Trilhos Loucos da Reixida 2013

-           3º na Geral no Trail Amigos da Montanha 2012

-           3º na Geral no Cross Laminha 2013

-           3º em H40 nos Trilhos Paleozóico 2013

-           3º em H40 no Trail dos 4 Caminhos 2013

-           4º na Geral no Cross Laminha 2011

-           4º na Geral do Trail dos 4 Caminhos 2013

-           5º na Geral no Trail dos Abutres 2013

-           6º na Geral no Trail de Alvelos 2012

-           7º nos Trilhos Paleozóico 2013

-           14º na Geral do Trail do Sicó 2013

-           14º na Geral dos Trilhos Loucos da Reixida 2013


Destacam-se ainda os seguintes resultados em termos militares:                          

ORIENTAÇÃO                     

Individualmente

-         Campeão do CTAT em 1993, 1995, 1998 e 1999;

-         Campeão do Exército em 1995 e 1998;

-         Campeão das Forças Armadas em 1996, 1998 e 1999;  

-         Apurado para a Final A dos 2ºs. Jogos Mundiais Militares (Zagreb, Croácia) em 1999;

-         Vice-Campeão do GML em 1993 e 2000;

-         Vice-Campeão do CTAT em 1994;

-         Vice-Campeão do Exército em 1999;

-         3º. Classificado no Exército em 1993 e 1997;

-         3º. Classificado nas Forças Armadas em 1997.

                                      

      Por Equipas

-         Campeão por equipas do CTAT em 1993, 1994, 1995, 1998 e 1999;

-         Campeão por equipas do GML em 1993;

-         Campeão por equipas do Exército em 1993, 1994 e 1995;

-         Campeão por equipas das Forças Armadas em 1994, 1995, 1996, 1997, 1998 e 1999;

-         Vice-Campeão por equipas das Forças Armadas em 1993;

-         Vice-Campeão por equipas do Exército em 1998 e 1999;

-         3º. Classificado por equipas do Exército em 1999;

-         3º. Classificado por equipas do GML em 2000;

-         Campeão de Estafetas do CTAT em 1994;

-         Campeão de Estafetas do GML em 2000;

-         Campeão de Estafetas do Exército em 1993;

-         Campeão de Estafetas das Forças Armadas em 1994, 1996 e 1999;

-         Vice-Campeão de Estafetas do CTAT em 1993, 1995, 1998 e 1999;

-         Vice-Campeão de Estafetas do GML em 1993;

-         Vice-Campeão de Estafetas do Exército em 1994, 1995 e 1998;

-         Vice-Campeão de Estafetas das Forças Armadas em 1997 e 1998;

-         3º. Classificado de Estafetas das Forças Armadas em 1993.

                        

Integrou a Selecção Nacional Militar de Orientação nas seguintes competições:

                           

-         CISM (“Conseil Internacional du Sport Militaire”):

        -         Em 1994 (Polónia)

        -         Em 1996 (Rússia)

        -         Em 1997 (Espanha)

        -         Em 1998 (Suíça)

        -         Em 1999 (Zagreb, Croácia – 2ºs. Jogos Mundiais Militares) 


ATLETISMO             

Estrada                 

(pelo COD, Clube Operário Desportivo)

-         10º. Classificado na “São Silvestre dos Açores” em 1999 (São Miguel);

-         Vice-Campeão por equipas na “São Silvestre dos Açores” em 1999;

-         Vice-Campeão no “Grande Prémio do Santa Clara” em 2000;

-         3º. Classificado na corrida “Água de Pau / Lagoa” em 2000;

-         Campeão por equipas na corrida “Água de Pau / Lagoa” em 2000;

-         41º. Classificado no “Grande Prémio do Núcleo da Silva ” em 2000;

-         85º. Classificado no Campeonato Nacional de Estrada em 2000;

-         11º. Classificado no “Grande Prémio do Barcelos Popular” em 2000.

                           

Pista

(pelo COD, Clube Operário Desportivo)

      Apuramento para os Nacionais – Lisboa – Estádio Universitário

-         7º. Classificado nos 5.000 metros com o tempo de 15m42s em 1999 (Recorde pessoal).

                       

      Nacionais de pista da 2ª. Divisão – Viseu – Estádio do Fontelo

-         Vice-Campeão por equipas em 2000;

-         Campeão por equipas em 2001.

                       

      Nacionais de pista da 3ª. Divisão – Viseu – Estádio do Fontelo

-         3º. Classificado nos 5.000 metrosem 1999.

                           

      Campeonato Regional dos Açores – Estádio das Laranjeiras – São Miguel

-         Campeão Regional por equipas em 1999 e 2000;

-         Campeão Regional nos 3.000 metros Obstáculos em 2000.

                         

Outras Participações

-     5.000 metros (Açores) em 1999.

                      

INATEL

      (pela URCAC – União Recreativa e Cultural de Avelãs de Cima)

                       

Equipas

                                

-         Campeão Nacional de estafetas em 2002;

-         Vice-Campeão Nacional de estafetas em 2003;

-         Equipa vencedora da São Silvestre de Coimbra em 2002;

-         Campeão por Equipas no Campeonato Nacional de Rampa em 2003;

-         Vice-Campeão Nacional por Equipas no Corta-Mato em 2003;

-         3º. Classificado por Equipas no Campeonato Nacional de Estrada em 2003. 

 

 

 

Ir ao Topo