Realizou-se no passado fim de semana de 09 e 10 de Junho em Abrantes, a Taça Ribatejo Norte, 18º e 19º etapas da Taça de Portugal de Orientação Pedestre 2018, este evento esteve a cargo do COA – Clube Orientação e Aventura.

Embora fossem realizadas duas etapas a contar para a Taça de Portugal, este evento foi constituído por tres etapas a contar para este troféu.

No sábado de manhã foi realizada uma prova de orientação pedestre de distancia média no mapa de Mapa Abrantes – S. Lourenço (DOMA Trak), um mapa com relevo acentuado e muita vegetação que dificultou a navegação dos atletas, mesmo assim consegui fazer uma prova sem erros e vencer esta etapa.

Na parte da tarde foi feita uma prova de sprint (apenas a contar para este troféu), prova que não me correu muito bem devido aos critérios de cartografia um pouco diferentes do habitual, mesmo assim fui 2º a 6 segundos do vencedor e mantive o 1º lugar na geral.

Já no domingo de manhã foi realizada a 3ª etapa do troféu e 2ª a contar para a Taça de Portugal, foi uma prova de distancia média mas toda em cidade, só por este facto já parti moralizado pois gosto muito de correr em cidade, principalmente se o percurso for técnico como foi este o caso. Com uma prova sem erros (não sei se foram as melhores opções) venci mais esta etapa, assegurando assim o primeiro lugar neste troféu e amealhando mais duas vitórias para a Taça de Portugal.

Mapa Abrantes trak (DOMA)

Este evento não esteve isento de erros (principalmente a cartografia usada) mas no computo geral, na minha opinião estiveram bem, eu gostei dos tres percursos, adorei o de domingo de manhã.

Resta-me agradecer a Serfisio Barcelos por me apoiar e manter em condições de competir e assim alcançar estes resultados.