Realizou-se no fim de semana de Carnaval, de 02 a 05 de Março, mais um Portugal “O” Meeting, evento anual mais importante em Portugal e um dos eventos mais importantes da Europa onde todos os anos traz a Portugal os melhores atletas do Mundo. Este ano o evento foi organizado pelo Ori Mondego e decorreu nas zonas do Palheirão e Quiaios.

Em ter gerais a minha prestação foi “boa” mas o primeiro dia de competição foi sem duvida alguma a minha pior prova de sempre nestes 25 anos de Orientação.

Day 1, Palheirão (mapa aqui)

Poderia tentar arranjar desculpas extras, mas a verdade é que não consegui “entrar” no mapa e contrariamente ao que costumo “ensinar” e fazer, corri sem olhar para a Bússola, corri sem olhar para o mapa e no final o resultado não podia ser mais desastroso.

Fui 32º na geral a 21 minutos de distancia do vencedor (sem comentários).

Day 2, Quiaios (mapa aqui)

Este dia correu um pouco melhor, prova quase sem erros e acabei por ser 6º na geral e melhor Português.

Day 3, Quiaios (mapa aqui)

Mais um dia um pouco complicado, dois grandes erros pontos de controlo 4º e 5º e mais um “pequeno” erro ponto 16º, levaram-me ao 7º lugar na geral a mais de sete minutos do vencedor.

Day 4, Quiaios (mapa aqui)

Finalmente ultimo dia de competição, desta vez uma distancia Longa. Se a minha confiança ainda não tinha sido recuperada desde o primeiro dia, esta distancia longa vinha um pouco tarde atendendo ao meu estado físico, mas a cima de tudo psicológico. Tentei simplificar logo des do inicio, mas a “sujidade” do terreno fez com que a confiança descesse e o que me pareceu uma prova não muito boa, acabou por se revelar uma boa prova e o 3º lugar na geral foram o reflexo disso mesmo.

No final de Portugal “O” Meeting fui 5º classificado na geral final e somei 3 primeiros lugares para o Ranking da Taça de Portugal.

Obrigado a Serfisio Barcelos e a Escola Pé de Dança, Obrigado a Organização e obrigado ao meu Clube, COC.